Prefeitura de Altamira esclarece que não está cadastrando famílias para o auxílio de R$300

Nesta semana a Câmara de Vereadores de Altamira aprovou o projeto encaminhado pela prefeitura, que pretende ajudar as pessoas em vulnerabilidade do município. A proposta é que pessoas cadastradas no CadÚnico possam receber ajuda de R$300 por mês, por três meses.

Com isso começou a circular nos grupos de mensagens e redes sociais, a falsa informação de que a prefeitura já estaria realizando o cadastro das famílias que receberiam o Auxílio Municipal.

A mensagem dizia que a prefeitura estava convocando as pessoas de baixa renda para realizar o cadastro para o pagamento dos R$300, a partir desta sexta-feira, 03 de julho. A mensagem ainda pede que os moradores levem seus documentos oficiais.

Em nota, a “Prefeitura de Altamira esclarece que a mensagem divulgada em redes sociais informando um cadastramento do auxílio emergencial municipal no dia 03/07 na prefeitura é FALSA. Os responsáveis pela divulgação da fake news já foram identificados e serão responsabilizados judicialmente pela propagação de notícia mentirosa. “

 

Técnico de enfermagem de Altamira morre vítima da Covid-19

Paulo Barbosa dos Santos, 39 anos, técnico de enfermagem estava na linha de frente do combate ao novo coronavírus. Ele foi infectado e precisou ser internado no Hospital Regional Público da Transamazônica.

O profissional da saúde não resistiu. A notícia da morte dele deixou muita gente abalada, além dos familiares, os pacientes que ele atendeu no Hospital Geral de Altamira, na UPA, Hospital Santo Agostinho ou no antigo Sesp, usaram as redes sociais para registrar a responsabilidade que Paulo tinha no trabalho antes e durante a pandemia.

A secretaria de saúde e o Conselho Municipal manifestaram nota de pesar. Paulo é o terceiro profissional da área que morre por complicações da Covid-19. A primeira foi Rosa Maria, agente comunitária aposentada, e o segundo foi Pedro, técnico de enfermagem lotado no Hospital Geral.

Segundo o último boletim divulgado pela Sespa, Altamira registra 53 mortes pela Covid-19.Já em relação ao número de pacientes internados, há 23 pacientes na unidade municipal e 15 moradores que recebem tratamento no HRPT.

Paulo Barbosa era casado e deixou dois filhos pequenos, além da família e da enfermagem, ele era apaixonado por festas de rodeio e cavalgada. Fazia parte da comitiva brutos por natureza, da Gleba Assurini, que também está de luto. Na última feira agropecuária de Altamira, foi ele quem recebeu a premiação. os colegas lembram do amigo como alguém alegre que gostava de tocar berrante.

Confira a reportagem completa.

FaceApp: aplicativo volta a fazer sucesso com mudança de gênero; veja fotos

OFaceApp voltou a dominar o feed do Instagram neste fim de semana. O aplicativo de edição de fotos, que fez sucesso no ano passado por envelhecer o rosto dos internautas, agora chama atenção por uma nova e igualmente divertida funcionalidade, a de “mudar o gênero” dos usuários.

E claro que a equipe da Vale do Xingu não ficou de fora da brincadeira.

 

Olha só o apresentador Brendon Gui!

 

E por falar em apresentadora… O que acham da versão masculina da Natália Silva?

 

A apresentadora Raiany Brito também não ficou de fora!

 

Esse é o nosso cinegrafista Rogério!

 

Nem o nosso Diretor Executivo escapou!

 

 

asas

Mas quem fez sucesso mesmo, foi o apresentador Lucas Pontes! 

Mas não foi só ele que entrou na brincadeira. Na pagina do facebook da Vale do Xingu FM você confere todos os locutores na sua versão feminina.

Entramos na modinha do #faceapp quem ficou mais gata?🤣🤣 @ Altamira, Para

Posted by Vale do Xingu FM on Monday, June 15, 2020

FaceApp é seguro?

Ainda em 2019, o FaceApp foi considerado inseguro porque seus termos de uso eram muito vagos, dando brechas para que os dados dos usuários fossem utilizados de forma abusiva pela empresa russa Wireless Lab, desenvolvedora do aplicativo.

Na ocasião, diversos especialistas de segurança consideraram o aplicativo inseguro em relação à privacidade dos usuários. O FaceApp foi alvo de investigação do FBI e, aqui no Brasil,  Google e Apple levaram uma multa do Procon-SP por manterem o aplicativo em suas lojas oficiais.

Hoje, a política de privacidade do FaceApp continua vaga, e a empresa ainda coleta diversos dados dos usuários. Além das fotos fornecidas para fazer a brincadeira, o aplicativo também coleta dados como informações de redes sociais (caso o usuário faça login com alguma delas), informações do dispositivo (como IP, modelo e sistema operacional) e informações de atividades online, como os sites que você visita.

Nesse último caso, o FaceApp afirma que a coleta ainda pode ser feita não somente pelo aplicativo, mas também por terceiros associados a ele. “Nossos fornecedores de serviços e alguns terceiros (por exemplo, redes de publicidade on-line e seus clientes) também podem coletar esse tipo de informação ao longo do tempo e em sites e aplicativos móveis de terceiros”, informa a política de privacidade do aplicativo, em inglês.

Além disso, o documento ainda afirma que os dados dos usuários podem ser compartilhados com outras empresas para “fins comerciais”, embora de forma anônima – em outras palavras, eles podem ser vendidos.

“Podemos criar dados anônimos, agregados ou desidentificados de suas informações pessoais e de outros indivíduos cujas informações pessoais coletamos. Transformamos informações pessoais em dados anônimos, agregados ou desidentificados, removendo as informações que os tornam pessoalmente identificáveis. Podemos usar esses dados anônimos, agregados ou desidentificados e compartilhá-los com terceiros para nossos fins comerciais legais”, diz o documento.

(Tecnologia IG)

Em segunda etapa de estudo, pesquisadores irão visitar famílias em Altamira

O Ibope Inteligência e a Universidade Federal de Pelotas iniciarão a segunda fase de pesquisa em Altamira, para medir o nível de imunização ao novo coronavírus. O trabalho é feito em todo o Brasil.

A partir de amanhã (4), os pesquisadores visitarão famílias para aplicação de questionários e realização de testes rápidos para o diagnóstico da Covid-19. O trabalho é feito pelo ibope inteligência em parceria com a universidade federal de pelotas.

Um membro de cada família poderá fazer o teste.  A pesquisa é financiada pelo Ministério da Saúde.

Medir o nível de imunização da população brasileira ao novo coronavírus e identificar de que forma o vírus está se propagando pelo brasil. Esses são os objetivos da pesquisa nacional que é feita em pelo menos 133 municípios. Com todas essas informações, será possível criar políticas públicas especificas no combate a pandemia no país.

Ao todo serão três fases. Em altamira, no mês passado, pesquisadores foram vítimas de notícias falsas. Alguns moradores espalharam nos grupos de WhatsApp que seriam criminosos e estariam aplicando um golpe, até a polícia foi acionada até que tudo foi esclarecido. Quem foi contratado, deve estar devidamente caracterizado.

Quem participar da pesquisa não será identificado.  O ibope inteligência pede a colaboração dos moradores.  Já que além de receberem o resultado dos exames, contribuirão com a ciência. Quem tiver dúvida basta ligar para:   0800 800 5000 ou acessar:  pesquisa.covid-19@ibopeinteligencia.com

 

Uruará decreta toque de recolher

A decisão da prefeitura de Uruará foi divulgada na tarde da sexta-feira (15) e impõe medidas restritivas para a população do município. Nela, o prefeito leva em consideração o decreto do governo do estado e o aumento significativo dos casos da covid-19 na cidade.

Considerando que o isolamento social é uma das medidas mais eficazes para evitar a proliferação do novo coronavírus, o prefeito Gilson Brandão, determina entra outras medidas, o toque de recolher no município e nas vilas, entre os horários de 21h até 6h. Deixando claro que quem desobedecer à ordem, sofrerá medidas judiciais previstas em lei.

  • Pessoas nas ruas somente em extrema necessida
  • É obrigatório o uso de máscara em todos os locais da cidade
  • Fica proibido o consumo de bebidas alcoólicas em espaços públicos
  • Agentes poderão fazer bloqueio de locais onde há grande concentração

Somente será permitida a circulação de pessoas fora do horário em casos de extrema necessidade, como para aquisição de medicamentos, produtos médico hospitalares, e ainda em outras situações devidamente justificadas, inclusive com a apresentação de documento de identificação oficial com foto.

Nos casos permitidos de circulação de pessoas é obrigatório o uso de máscara.

Fica proibida consumos de bebidas alcóolicas em praças, ginásios, ruas, vilas, agrovila ou ainda em quaisquer vias públicas do município de Uruará.

Bloqueio de locais de circulação pública de pessoas e/ou veículos, conforme evolução da taxa de isolamento de cada localidade, a fim de garantir o cumprimento das medidas do presente decreto.

Ururá possui até essa sexta-feira, 15 casos confirmados para covid-19. Em toda região do Xingu também com dados do último boletim epidemiológico, 300 casos confirmados. Os municípios de Vitória do Xingu, Porto de Moz e Senador José Porfírio fizeram o lockdown, o bloqueio total das atividades não essenciais, tudo para conter o avanço da doença.

 

Em Altamira, leitos de UTI Pediátrica tiveram que ser transformados em leitos para adultos com COVID-19

Em um documento assinado por 68 médicos, os profissionais Altamira denunciam a má gestão da saúde durante a pandemia do novo coronavírus no município.

Segundo a carta, entregue ao Conselho Regional de Medicina do Pará, ao Ministério Público Estadual e Federal, à Secretaria Estadual e Municipal de Saúde, Pró Saúde e Norte Energia, o problema chegou na região e não há preparo.

 “Não temos respiradores, nem profissionais suficientes, não há equipamentos de proteção individual para os trabalhadores da saúde, o isolamento social voluntário não ocorreu e não foi aumentada a capacidade de atendimento na rede de alta e média complexidade para dar conta de demanda. Nossa região já dispunha de número insuficiente de leitos de UTI (9 leitos) para atender mais de 400 mil habitantes dispersos em uma área maior do que muitos países – muitas pessoas demoram dias de deslocamento para chegar ao Hospital Regional via fluvial e estradas em péssimas condições. Até agora o que conseguimos fazer foram improvisos, como transformar os únicos 5 leitos de UTI Pediátrica em leitos para adultos com COVID-19, diminuindo a já deficiente capacidade de atendimento a crianças em estado grave na região”, relatam os médicos.

Segundo eles, os 3 respiradores enviados pelo governo do estado, são inadequados para atender pacientes graves e não serão utilizados pelo risco ao paciente. “Os 10 leitos anunciados como doação pela Norte Energia no Jornal Nacional, têm previsão de entrega apenas para o mês de julho, quando será muito tarde”, ressaltam.

Ainda segundo os profissionais, a Norte Energia descumpriu diversos compromissos fundamentais, previstos como condicionantes para instalação e funcionamento da Usina Hidrelétrica de Belo Monte”.

Outro ponto levantado na carta, é que além dos respiradores, as UTIs precisam de leitos, monitores multiparamétricos, bombas de infusão, antibióticos para tratar infecções, sedativos e analgésicos potentes para tirar a dor e permitir que os doentes não acordem quando estão intubados, medicações vasoativas para o coração não falhar, e corticoides para reduzir inflamação. Além de uma equipe de

profissionais preparada e quantitativamente suficientes para prestar a assistência.

“Infelizmente o vivemos hoje é desesperador, pois nem os 9 leitos de que dispunham estão completos: faltam medicamentos básicos para a manutenção da vida e do tratamento intensivo colocando em risco a vida de nossos doentes para além daquele inerente à essa terrível doença que é a COVID-19”.

Tratamento precoce

Os profissionais lembram também a importância do tratamento precoce, que tem sido a chave para reduzir a mortalidade. Dessa forma é possível tratar antes que seja necessária uma UTI.

Por fim os médicos de Altamira e região pediram que medidas urgentes sejam tomadas, sendo elas “aquisição e distribuição de medicamentos preconizados para o tratamento da COVID-19 pelo Ministério da Saúde e para terapia intensiva, ampliação imediata dos leitos de UTI completos, tomografia de tórax, contratação médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, equipes de higienização e limpeza”.

Norte Energia 

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, o médico e presidente da Câmara de Vereadores, Loredan Mello, aponta a Norte Energia como responsável pela demora na entrega de respiradores e demais equipamentos. Ele também fala da importância dos postos terem medicação suficiente para tratar os possíveis contaminados com a Covid-19.

Em nota, a Norte Energia, responsável pela Usina Hidrelétrica Belo Monte, manifestou repúdio a acusações do representante do Poder Legislativo de Altamira. “Primeiramente, cabe esclarecer que a matéria veiculada em um importante telejornal nacional divulgando a iniciativa da empresa em promover a doação de equipamentos e EPIs foi obtida por meio de “mídia espontânea”, sem custo algum para a Norte Energia, em quadro criado pela respectiva emissora em apoio às empresas solidárias ao combate ao coronavírus no país. 

Com relação ao prazo para entrega dos equipamentos adquiridos pela Norte Energia, vale mencionar que este tem sido um desafio para o Poder Público e para empresas cidadãs como empreendedora de Belo Monte, em função da grande demanda mundial. Esse problema generalizado vem sendo frequentemente divulgado em noticiários, sendo de conhecimento da população e de gestores públicos. Por meio deste comunicado, a Norte Energia renova a sua absoluta solidariedade com a população do entorno da Usina Hidrelétrica Belo Monte e reafirma as doações que representam mais de R$ 6 milhões em investimentos para o reforço do combate à pandemia na região.

Confira o documento completo abaixo 

2020_05_13_Comunicado Norte Energia_Contribuicao Regional Covid19

 

 

 

 

Confira o cronograma da entrega dos kits merenda em Altamira

A entrega dos kits com merenda escolar iniciou no último dia 02, em Altamira. Os alunos das creches são os primeiros a receber.  Agora os pais e responsáveis podem acompanhar o cronograma com a data de entrega de cada escola.

Confira:

A Secretaria de Educação do município atende mais de 26 mil estudantes, do ensino infantil ao ensino de jovens e adultos, área urbana e rural. aldeias indígenas, distritos de Altamira e reservas extrativistas também serão contemplados com a ação.

os kits formados pelos principais itens alimentícios deve ajudar a garantir a alimentação dos alunos que nesse momento de pandemia estão em casa devido a suspensão das aulas.

A orientação é que os pais ou responsáveis ao irem as escolas use máscaras e que apenas uma pessoa entre na instituição, evitando aglomeração e mantendo o distanciamento de um metro e meio.

Ler mais…Confira o cronograma da entrega dos kits merenda em Altamira

Faculdade produz álcool em gel para doação em Altamira

A Faculdade Serra Dourada campus de Altamira começará a produzir, nesta sexta-feira (8), álcool em gel 70% que será destinado para a Secretaria de Saúde do município e a comunidade em geral, com o objetivo de auxiliar no enfrentamento à pandemia do novo coronavírus.

A produção será feita no laboratório da própria faculdade pelos alunos do 5° período de Farmácia, sob a coordenação da professora e coordenadora dos cursos de Saúde Humana, Daiane Oliveira.

Para produzir o álcool em gel, serão utilizados como insumos carbonos, álcool 92% e água destilada. A expectativa é de que sejam produzidos 20 litros do produto nesta primeira etapa, mas o objetivo é produzir uma quantidade maior com a ajuda de parceiros. “Buscamos empresas e pessoas que possam ser parceiras nessa iniciativa, doando os insumos necessários para a confecção do álcool em gel 70%. Pretendemos produzir em uma escala maior, à medida que as doações acontecerem, para que mais pessoas sejam beneficiadas”, afirma Daiane Oliveira.

Ainda segundo a coordenadora, a iniciativa surgiu devido à dificuldade de se encontrar o produto no mercado local e regional e também pelo alto custo que ele é comercializado. “Sabemos que o álcool em gel é um produto altamente eficaz no combate ao novo coronavírus e que tanto os profissionais de saúde quanto a comunidade em geral precisa dele para se proteger. Por isso, envolvemos nossos alunos nessa iniciativa e disponibilizamos nosso laboratório para colaborar nessa luta para minimizar os efeitos da pandemia”, conclui.

(Assessoria)

Ler mais…Faculdade produz álcool em gel para doação em Altamira

Adolescente é assassinado no Parque Ipê em Altamira

Um adolescente de 15 anos foi assassinado na sexta-feira (1) no bairro Parque Ipê, em Altamira. O crime aconteceu por volta de 20h30. O criminoso chegou até a rua circulação perimetral e atingiu o jovem Jonas Sousa de Oliveira com um tiro na cabeça.

A vítima não resistiu. O centro de perícias Renato Chaves e a polícia civil foram acionados. A comunidade ficou assustada com o crime. Testemunhas contaram que o atirador chegou caminhando, executou Jonas e fugiu correndo.

A polícia civil investiga o caso e já ouviu algumas testemunhas para identificar o autor do disparo.  A comunidade pode ajudar denunciando ao 181 e não precisa se identificar. Jonas trabalhava com o pai como ajudante de pedreiro. Esse foi o primeiro homicídio registrado em maio.

Veja a reportagem completa.

Ler mais…Adolescente é assassinado no Parque Ipê em Altamira

Coronavírus: Altamira já tem transmissão comunitária

Essa semana os casos de Covid-19 deram um salto em todo o estado. Os números passaram de dois mil e trouxeram uma nova preocupação para Altamira. Com 10 casos confirmados e 3 óbitos suspeitos a cidade já possui transmissão comunitária.

A informação foi confirmada por profissionais de saúde que atuam na linha de frente no combate ao vírus e que analisam a situação com cautela. Segundo eles, o vírus está circulando pela cidade e a única forma de conter o avanço rápido da doença é o distanciamento social.

No dia 20 de março o Brasil tinha 904 confirmados e 11 óbitos, foi quando o ministério da saúde informou oficialmente que o país havia iniciado o processo de transmissão comunitária. No dia 31 de março o Pará tinha 68 casos confirmados e o governador anunciou oficialmente a transmissão comunitária.

No dia 16 de abril a cidade de Marabá anunciou a transmissão entre moradores, no dia 24 de abril foi a vez de Santarém, e essa semana, oficialmente no dia 28 de abril, Altamira oficializou as primeiras transmissões entre moradores, pessoas que adoeceram mesmo sem ter contato com viajantes, os casos considerados importados.

De acordo com o enfermeiro Osvaldo Damasceno, esse é o momento mais sensível da epidemia no estado, já que o vírus circula nas comunidades e já não é mais possível identificar os casos sem que os sintomas sejam visíveis, por isso ele faz um alerta para que as pessoas que puderem, que permaneçam em casa.

Os principais sintomas da doença são a tosse seca, febre intensa e por vários dias, cansaço e dificuldade para respirar, nos casos graves. Ao identificar esses sintomas é preciso acionar o serviço médico ligando para o número 99150-1514 ou procurar a Unidade Básica de Saúde. O uso de máscaras é indispensável para evitar que o vírus seja transmitido para outras pessoas.

Ler mais…Coronavírus: Altamira já tem transmissão comunitária

error: Conteúdo Protegido por [ConfirmaNoticia.com.br]