Educação inclusiva: escola municipal investe no ensino de libras

A escola municipal Deodoro da Fonseca tem investido na educação inclusiva. Os alunos aprendem libras através de um projeto encabeçado pela equipe de atendimento Educacional Especializado do município.

Mais de 300 estudantes do 6º ao 9º ano tem aprendido a língua brasileira de sinais. A escola já é referência no atendimento de alunos surdos em Altamira. Para a diretora, Danielly Lobato, é motivo de orgulho ter reconhecimento pelo trabalho de inclusão feito em sala de aula. “Vimos a importância desse projeto e cada gestor tem permanecido com ele, ampliando. Nosso objetivo é chegar aos alunos menores”, conta a diretora.

Aqui os alunos aprendem de forma lúdica, a comunicação básica de sinais sobre as cores, números, letras do alfabeto e ainda, perguntas do cotidiano e aquelas que envolvem a família. O professor é Wagner Cutrin, deficiente auditivo, que conta com a ajuda de uma intérprete para repassar o conhecimento nas aulas.

Fazer parte desse projeto é uma injeção de ânimo na carreira do docente, que persitiu e superou obstáculos e hoje, é espelho para alunos surdos que almejam ingressar em uma faculdade. “Isso foi feito porque queremos a inclusão dos alunos surdos, percebemos que a comunicação era difícil, e agora essa comunicação com a gente ensinando libras, tem fluído melhor”, explica Wagner.

A Kauany Oliveira e o Lucas Eduardo, são dois dos alunos beneficiados com o projeto. Depois do ensino de libras, ficou fácil se comunicar com os colegas surdos. “Depois desse projeto conseguimos conversar com os alunos, foi melhorando”, diz Kauany.

Há 3 anos a equipe de professores e colaboradores se esforça para continuar levando inclusão. Uma experiência construtiva para os alunos e a certeza de que a iniciativa traz a reflexão de que é preciso fazer a diferença na vida do estudante, que em algum momento, já se sentiu excluído por conta de alguma deficiência.

Assista ao vídeo

Trabalhador tem moto furtada no centro de Altamira

Um trabalhador teve a moto furtada no centro de Altamira nesta quinta- feira (27). O veículo estava estacionado em frente a uma residência. O crime aconteceu pouco depois da uma hora da tarde.

O dono da motocicleta conta que ficou cerca de 10 minutos dentro da casa e quando saiu, percebeu o furto. As câmeras de segurança de vizinhos ajudam nas buscas, um boletim de ocorrência foi registrado na delegacia de Altamira.

O trabalhador ficou no prejuízo e desabafa sobre a facilidade dos ladrões em furtar objetos sem nenhum medo. E nesse caso, o que mais chama atenção, é porque o criminoso furtou a motocicleta usando uma outra chave. “A filmagem aparece ele montando na moto e indo embora, eu não gravei tudo porque era muito longo o vídeo. Ele chega primeiro mete uma outra chave na moto, destrava a moto aí ele liga a moto, ele vai lá na esquina, aí ele volta, aí depois ela vai na outra esquina volta aí é que ele vem pega a moto e sai”, conta a vítima.

Quem tiver informações é só ligar para o canal da polícia militar, o 190. A identidade é mantida em sigilo. De acordo com um levantamento feito pelas polícias, a maioria dos furtos de motocicleta é feita por bandidos que usam os veículos para cometer assaltos e outros delitos na cidade.

Assista ao vídeo

Faculdade faz processo seletivo para professores de Engenharia, Saúde Humana e Animal

A Unidade de Ensino Serra Dourada em Altamira está selecionando professores para os cursos de Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia Mecânica, Engenharia de Produção, Farmácia, Biomedicina, Nutrição, Fisioterapia e Medicina Veterinária, para atuarem a partir do segundo semestre de 2019. 
Para a área de Engenharia, os profissionais irão lecionar as disciplinas de Qualidade de Energia Elétrica, Resistência dos Materiais, Topografia e Georreferenciamento, Controle de Processos e Ciência e Tecnologia dos Materiais. Já para as áreas de Saúde Humana e Animal, as disciplinas disponíveis são Bioquímica Básica, Microbiologia e Imunologia, Microbiologia Clínica, Nutrição e Metabolismo, Fundamentos de Beleza, Saúde, Estética e Cosmetologia, Biologia Molecular, Parasitologia Clínica, Parasitologia e Imunologia Clínica, Composição dos Alimentos e Técnica Dietética de Alimentos de Origem Animal, Introdução à Gastronomia, Melhoramento Animal, Anatomia Vet II e Imunologia e Embriologia. 
Para participar do processo seletivo, os interessados devem ter graduação na área da vaga a qual concorre, registro no conselho de classe, ter especialização, mestrado ou doutorado (especialmente na área de formação da vaga para a qual se candidata) e residir em Altamira ou região. É desejável que o candidato tenha experiência comprovada em docência.
Os profissionais irão atuar no período noturno, com carga horária de 80 horas semestrais, na Unidade de Ensino Serra Dourada, que fica na Avenida Novo Horizonte, nº 783, bairro Cidade Nova, Altamira/PA.
Os interessados devem enviar currículo Lattes para o e-mail rh@faculdadeserradourada.com.br até o dia 14 de junho de 2019, identificando no assunto o curso e a unidade para a qual se candidata (Altamira). Mais informações no site: www.faculdadeserradourada.com.br.

(Assessoria)

Como limpar o ouvido: você fez errado a vida inteira e isso coloca sua saúde em risco

Ao contrário do que muitos pensam, cera de ouvido não é sujeira e cumpre um papel fundamental na proteção dos tímpanos. Claro que, às vezes, é preciso retirar o excesso. Mas você está fazendo isso do jeito certo?

Desde pequenos, aprendemos a usar cotonetes para limpar o ouvido, como se fosse normal enfiar aquele algodãozinho no canal auditivo. Quando mais tentamos limpar lá dentro, mais ficamos expostos a problemas de audição.

Segundo a otorrinolaringologista Rita de Cássia Guimarães remover a cera dos ouvidos com hastes flexíveis pode causar lesões no canal auditivo, que é uma região muito sensível. Otites externas, sangramentos, infecções e lesões na membrana do tímpano estão entre a complicações que podem ser causadas pelo simples hábito de limpar os ouvidos com cotonete, de acordo com a médica.

Como limpar o ouvido corretamente?

Em vez de limpar, o cotonete pode levar ainda mais cera para as proximidades do tímpano. Isso pode causar o entupimento do canal auditivo, fazendo com que a pessoa tenha sensação de ouvido entupido. Nestes casos, o excesso de cera do interior do ouvido deve ser retirado por um especialista.

Em situações normais, basta lavar a orelha com água e sabão, durante o banho, e enxugar delicadamente com uma toalha, somente até onde o dedo alcançar. O cotonete até pode ser usado, mas apenas na parte externa.

(Jessica Krieger)

Assista ao vídeo

Dollify: conheça o aplicativo que cria uma caricatura do seu rosto

Depois da febre do filtro do Snapchat que deixava as pessoas com aparência de criança, a novidade do momento agora nas redes sociais é Dollify. O aplicativo caiu no gosto dos internautas nas redes sociais por permitir a criação de avatares fofinhos que podem ser compartilhados ou salvos no celular. As caricaturas tem feito sucesso nas redes.

Para usa- ló é bem simples, basta primeiramente selecionar o gênero, em seguida escolher as roupas, a cor dos olhos, o formato da boca, entre outras opções. E eu não poderia ficar de fora dessa brincadeira, é claro que eu fiz a minha caricatura.

O aplicativo está disponível para Android e IOS de forma gratuita. A nova moda do momento tem inspirado os internautas a criar suas próprias caricaturas e também de amigos, até mesmo virando meme.

Assista aos vídeos

Detran volta a disponibilizar lacres

O departamento de trânsito do estado do pará, detran começou a disponibilizar essa semana os lacres para veículos em todo o estado. Em altamira, a previsão da chegada dos lacres será na próxima quarta-feira (3).

O serviço estava suspenso desde abril quando houve atraso na licitação do serviço de lacre. Nesse primeiro momento a distribuição acontece em Belém e região metropolitana, mas a direção do Ciretran em Altamira conta com a chegada dos lacres na semana que vem.

Por enquanto o movimento na agência do Detran em Altamira está tranquilo, mas esse cenário deve mudar com a chegada do lacre. A agência atende usuários de mais seis municípios da região do Xingu.

O governo baixou uma portaria, ainda no mês de abril, que liberava a cobrança do lacre em fiscalização nas rodovias paraense. A está valendo até que todo serviço seja normalizado.

Mas, vale lembrar que a medida serve apenas para fiscalização dos lacres, os veículos que forem parados com outros problemas com pneus ou documentação, os agentes de trânsito poderão autuar conforme a lei.

(Denilton Resque)

Assista ao vídeo

Alistamento militar encerra inscrição presencial nesta sexta-feira

Termina hoje (28) o prazo para o alistamento militar dos jovens que completam 18 anos em 2019. As inscrições podem ser feitas nas Juntas do Serviço Militar localizadas em todas as regiões do país. Há também a possibilidade de a inscrição ser feita pela internet até domingo (30), por meio do site www.alistamento.eb.mil.br.

No caso da inscrição presencial, é preciso apresentar certidão de nascimento, carteira de identidade ou de motorista e de duas fotos 3×4 recentes; além de comprovante de residência. Na Junta do Serviço Militar será necessário o preenchimento de um formulário para validação dos dados pessoais.

O alistamento militar é obrigatório. A perda do prazo para alistamento implica pagamento de uma multa no valor de R$ 4,32. Quem não se alista não pode obter passaporte, carteira de trabalho e registro de diploma de profissões liberais, nem fazer matrícula ou inscrição em concursos públicos.

De acordo com o Ministério da Defesa, a expectativa é de que mais de 200 mil jovens se alistem neste ano. Desse total, 90 mil serão incorporados em organizações militares do Exército, da Marinha ou da Aeronáutica.

Durante o ano de serviço, os jovens incorporados terão direito a assistência médica e odontológica.

(Agência Brasil)

Trump e Bolsonaro trocam elogios e discutem Cuba e Venezuela

O presidente Jair Bolsonaro se reuniu o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, nesta sexta-feira (28), em Osaka no Japão, três meses após visita oficial aos EUA.

Os chefes de governo discutiram mais sanções econômicas tanto para Venezuela como para Cuba, de acordo com declaração à TV Globo de Eduardo Bolsonaro, que é presidente da Comissão de Relações Exteriores da Câmara dos Deputados. Trump voltou a dizer “que todas as opções estão na mesa” quando discutiu a situação venezuelana.

O porta-voz da presidência, Otávio Rêgo Barros, afirmou que os governos dos EUA e do Brasil compreendem que “é por meio da pressão econômica que nós vamos conseguir viabilizar a democracia na Venezuela”.

e acordo com o porta-voz, os dois países podem analisar ações que levem à “desidratação” dos apoiadores que possam dar algum suporte financeiro ao governo de Nicolás Maduro. Barros explicou ainda que, entre os apoiadores da Venezuela, “obviamente, nós não podemos deixar de identificar Cuba”.

No entanto, Barros não deu detalhes de medidas concretas que podem ser tomadas contra os dois países.

A Venezuela enfrenta uma grave crise econômica e política que já fez com que mais de 4 milhões de pessoas deixassem o país. Em um contexto de inflação galopante – que superou 1.000.000% em 2018— e de desvalorização do bolívar, os venezuelanos enfrentam escassez de alimentos e remédios.

Troca de elogios

O encontro dos dois líderes foi marcado por um tom bastante amigável.

“Sempre o admirei desde antes das eleições. Temos muita coisa em comum. Somos dois líderes de países que, juntos, podemos fazer muito por seus pobres. Estamos à disposição para conversar com Trump, de modo que possamos fazer parcerias. Gosto muito do povo americano. A política do Brasil mudou de verdade. Nos interessa e temos o prazer de nos aproximar dos Estados Unidos”, disse Bolsonaro, durante encontro que reuniu delegações dos dois países.

Durante o encontro, Trump elogiou Bolsonaro. “O presidente brasileiro é um homem especial, que está indo bem, é muito amado pelo povo do Brasil. E ele se orgulha da relação que tem com o presidente Trump”, disse, ao lado do mandatário brasileiro.

Bolsonaro manifestou apoio a Trump na sua tentativa de reeleição e o convidou para visitar o Brasil mesmo antes do pleito. “Espero que nos visite antes das eleições, se for possível”.

O presidente americano respondeu que pretende visitar o Brasil, mas não chegou a marcar uma data.

“Você tem ativos que alguns países nem conseguem imaginar. É um tremendo país, com uma população tremenda, então estou entusiasmado para ir”, afirmou.

Espanha

Bolsonaro também se encontrou com o presidente espanhol, Pedro Sánchez, e se pronunciou no Twitter sobre a prisão de um sargento brasileiro da aeronáutica com 39 kg de cocaína no aeroporto de Sevilha, na Espanha. “Aproveitei para agradecê-lo pelo modo como as autoridades espanholas estão lidando com o caso dos entorpecentes apreendidos em avião da FAB e reafirmei minha defesa por punição severa para o tráfico”.

Questões digitais e OCDE

Ao se pronunciar pela primeira vez aos chefes de Estado do G20, Bolsonaro tratou de questões digitais, entre as quais alternativas para garantir a proteção de dados digitais.

“O presidente teve a oportunidade de falar em plenária para destacar o interesse do Brasil nas questões digitais, que é um tema tão importante hoje em espectro mundial. Nós vemos as dificuldades para a proteção dos dados individuais e institucionais. E o Brasil, igualmente a tantos outros países, vem buscar solução, ao menos buscar solução, em consórcio com os países aqui do G20”, disse o porta-voz Otávio Rêgo Barros.

No início da cúpula, Bolsonaro se encontrou com o secretário-Geral da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), o mexicano José Ángel Gurría Treviño. A OCDE conta com 36 países e o Brasil quer se tornar um novo membro.

Após audiência com Treviño, o presidente brasileiro diz que conversou “sobre os próximos passos para uma relação ainda mais forte com a organização” e que o mexicano mostrou “entusiasmo” com a agenda brasileira de reformas. Mas também ouviu que é preciso respeitar uma fila que tem na espera, entre outros, Argentina e Romênia.

Acordo de Paris

Depois, Bolsonaro se encontrou rapidamente com o presidente da França, Emmanuel Macron. Na conversa, o presidente brasileiro sinalizou a Macron que o Brasil vai continuar no Acordo do Clima de Paris e disse esperar o apoio da França para o acordo de livre comércio da União Europeia com o Mercosul. A posição do presidente brasileiro reforça o compromisso firmado pelos Brics mais cedo.

O Acordo de Paris prevê a implementação de medidas com o objetivo de manter o aquecimento global abaixo de 2ºC, buscando limitá-lo a 1,5ºC.

Apae nega abertura de vagas de emprego

Em sua página no Facebook a Apae de Altamira divulgou uma nota de esclarecimento para desmentir o anúncio de vagas que tem circulado nas redes sociais.  Segundo a instituição, a notícia que anuncia supostas vagas de emprego é falsa.

“Tanto Apae de Altamira quando a Fenape só divulgam informações em suas próprias redes sociais, desconhecendo as reais intenções de pessoas que criam notícias falsas apenas com intuito de prestar um desserviço à população e às Apaes, uma instituição séria, de caráter filantrópico, que contribui com o desenvolvimento da pessoa com deficiência através das áreas de saúde, assistência social, educação especial e defesa de direitos. A direção.”

A mensagem divulgada tem o seguinte texto:

” VAGAS ABERTAS APAE – SELETIVA 2019. Vagas Disponíveis: cuidador(a), recepcionista, aux de cozinha, assistente social, instrutor de artesanato e jardinagem, motorista e mais. Não é necessário ter experiência / Ambos Sexos de R$1168,59 à R$2518,11 mais benefícios. Interessados CANDIDATE-SE AQUI: https://apae.trabalhadorbrasil.com compartilhe com quem precisa!”

(Mayara Freire)

Saque do abono salarial do PIS 2018/2019 termina nesta sexta-feira

Os trabalhadores cadastrados no Programa de Integração Social (PIS) têm esta sexta-feira (28) para sacar o Abono Salarial do calendário 2018/2019. Os valores vão de R$ 84 até R$ 998, de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano-base 2017.

De acordo com a Caixa, os benefícios, que totalizam R$ 16,9 bilhões, foram liberados de forma escalonada para 22,5 milhões de beneficiários, conforme o mês de nascimento, e agora estão disponíveis para os nascidos em qualquer mês. Até maio, o banco pagou R$ 15,6 bilhões a 20,6 milhões trabalhadores.

O valor do benefício pode ser consultado no Aplicativo Caixa Trabalhador, no site do banco ou pelo Atendimento Caixa ao Cidadão, pelo telefone: 0800 726 0207.

Pode a sacar o abono o trabalhador inscrito no PIS ou no Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) há pelo menos cinco anos e que tenha trabalhado formalmente por pelo menos 30 dias em 2017 com remuneração mensal média de até dois salários mínimos.

“Os titulares de conta individual na Caixa com cadastro atualizado e movimentação na conta, podem ter recebido crédito automático antecipado. Quem possui o Cartão do Cidadão e senha cadastrada pode se dirigir a uma casa lotérica, a um ponto de atendimento Caixa Aqui ou ir aos terminais de autoatendimento da Caixa para receber o abono”, informou o banco.

Segundo a Caixa, caso o beneficiário não tenha o Cartão do Cidadão ou não tenha recebido automaticamente em conta, ele pode retirar o valor em qualquer agência da Caixa, apresentando o documento oficial de identificação.

O trabalhador em empresa pública, com inscrição no Pasep, recebe o pagamento do abono pelo Banco do Brasil.

(Agência Brasil)