Sessão da câmara discute projetos relacionados a jovens e adolescentes

Dentre os projetos propostos na sessão desta terça-feira (09) da câmara municipal de Altamira se destaca a sugestão de criação de um espaço socioeducativo para menor infrator. A pauta é do vereador João Roberto. O presidente da casa Loredan Mello sugeriu a criação do projeto “Empresa Amiga do Jovem e do Adolescente” para incentivar novas vagas de emprego a essas faixas etárias.

Outros projetos em destaque foram os que reconhecem o centro social La Salle de Altamira, como instituição de utilidade pública para o município.

As sessões ocorrem semanalmente, durante as manhãs de terça e são abertas ao público.

Moradores de loteamento reclamam de vários problemas no bairro

A falta de iluminação pública, de água e saneamento básico fez com que os moradores do loteamento Buriti realizassem uma manifestação para pedir mais atenção aos problemas que o local apresenta. O protesto aconteceu em frente ao escritório de vendas do bairro.

Ainda segundo os relatos dos moradores, na parte mais alta do bairro, quase todos os dias falta água.

José Bruno da Silveira mora no loteamento há cerca de cinco anos. O pedreiro afirmou que, desde que chegou ao bairro, os problemas são constantes, principalmente quando se trata da água.

A reclamação não foi a primeira. No último dia 04 deste mês, os moradores fizeram outra manifestação para tentar resolver os problemas. Eles procuraram o responsável pelo loteamento, e deram um prazo para que tudo fosse resolvido. Uma reunião foi feita e a empresa recebeu os moradores.

Nossa equipe também procurou o responsável e fomos informados de que ele não estaria na cidade. A empresa se comprometeu em enviar uma nota. Sobre os postes, a diretora da divisão de iluminação pública informou que o loteamento ainda não foi entregue para a prefeitura.

09 de abril, dia nacional da biblioteca

Quando não está na escola Vinícius Cauã Sanches passa boa parte do tempo na biblioteca municipal de Altamira, principalmente fazendo trabalhos escolares.

A biblioteca é um espaço cheio de conhecimento. Cada livro oferece um novo olhar do mundo ao nosso redor. E um lugar tão importante não poderia ficar de fora do calendário. Para isso, o dia nove de abril foi escolhido como o dia da biblioteca.

A data foi eleita tendo como referência a semana nacional do livro e da biblioteca e o dia do bibliotecário. Ambos instituídos no dia 9 de abril de 1980. Com o objetivo de incentivar a leitura.

A maioria das bibliotecas do país possui livros considerados raros, que guardam momentos importantes da história do nosso país. Em Altamira, alguns são encontrados na biblioteca pública e são cobiçados por museus. Mas assim como o espaço físico, os livros precisam de todo cuidado para não se perderem com o decorrer do tempo.

Pesquisas revelaram que alunos que frequentam a biblioteca têm um maior rendimento nos estudos. Isso é porque dentro deste ambiente a criança se sente estimulada a ler, pesquisar e assim consegue ampliar o seu conhecimento.

Posto de saúde é alvo de criminosos

Os pacientes estavam nervosos com o acontecido. Pela primeira vez o posto de saúde do Cruzeiro foi alvo de criminosos. Enquanto as vítimas esperavam para ser atendidas pelo médico, uma dupla de assaltantes entrou e efetuou o roubo.

Segundo informações de testemunhas, era por volta 7h40 desta terça-feira (9) quando dois homens que estavam em uma motocicleta sem placa chegaram com o capacete fechado e fizeram o roubo. Sete celulares, além de dinheiro, foram levados pelos criminosos.

Câmeras que ficam na rua Pedro Acácio, no bairro Brasília, registraram o momento exato em que os homens passam pela rua. A polícia militar esteve no local para colher mais informações sobre o roubo. Nos depoimentos colhidos, as testemunhas confirmaram as vestes dos homens. Uma das vítimas contou à nossa equipe que um idoso tentou esconder o aparelho celular para não ser roubado.

As informações são de que além do posto de saúde, outros assaltos foram realizados pelos mesmos criminosos. A polícia investiga o caso.

Foragido do sistema penal é recapturado pela polícia civil em Uruará

A polícia civil do município de Uruará conseguiu recapturar um homem que estava foragido do sistema penal, na última segunda feira (8). Dois investigadores efetuaram a prisão de Delimarques Teixeira Pontes, 32 anos.

Ele cumpria pena por tráfico de drogas e associação ao tráfico no Centro de Recuperação Regional de Altamira. Em 2013 foi beneficiado com uma saída temporária e não retornou.

Delimarques foi preso na rua Tancredo Neves, no bairro progresso. A população acionou a polícia informando que um homem em atitude suspeita estava passando pelo local. Os investigadores constataram a veracidade da denúncia e efetuaram a prisão. Na abordagem Delimarques estava sem documentos e foi levado para a delegacia de polícia. Lá foi verificado que já havia um mandado de recaptura expedido pela justiça em novembro de 2017, além de um mandado de prisão expedido pela vara criminal de Altamira.

Semat alerta para descarte irregular de animais mortos


A imagem foi compartilhada junto com áudios em grupos de um aplicativo instantâneo de mensagens, por moradores do bairro São Francisco. A desconfiança dos moradores era de que o objeto poderia se tratar de uma pessoa morta, pois estava enrolado em uma lona envolta em fita adesiva, mas se tratava de um cachorro morto.

O animal foi descartado em uma estrada de terra, que liga o bairro São Francisco aos Rucs Jatobá e água azul.

Em alguns trechos com pouca movimentação, como é o caso desta estrada, é comum encontrar o descarte irregular de diversos tipos de materiais. Segundo o secretário municipal do meio ambiente e turismo, Wesley Storch, esse tipo de ação é considerada crime ambiental e pode gerar multa. Ele explica que se trata de animal morto os donos são responsáveis pelo descarte correto.

Moradores denunciam problemas com esgoto no mutirão

O seu Jeremias Conceição já trabalhou na construção civil  e atualmente trabalha como agricultor. Ele tem uma casa na rua 8 do bairro Mutirão e reclama do esgoto.

Segundo ele, o problema é do lado de fora. Ele conta que uma empresa terceirizada pela Norte Energia fez a instalação do esgoto, porém a tubulação que foi utilizada possivelmente rompeu e isso fez com que os dejetos contaminassem o poço, que abastece toda a casa dele.

Segundo o morador, o problema já dura há de cinco dias. Uma casa vizinha da do seu jeremias também está apresentando problemas referentes ao encanamento do esgoto.

Em outro imóvel o problema não foi com a contaminação da água, mas também tem a ver com o esgoto. Segundo Francisco Gomes, algumas caixas de gordura foram instaladas, porém a água tem retornado e isso ocasionou um mau cheiro.

O seu francisco mora no imóvel junto com a esposa, que tem problemas de saúde. Segundo o morador, o mau cheiro tem atrapalhado.

Em nota a Norte Energia informou que ainda na noite de ontem, 08, enviou equipe até o local mencionado na reportagem, no bairro Mutirão, e desobstruiu a rede de esgoto.
A companhia ressalta que está à disposição da população para mais esclarecimentos, por meio do canal de atendimento 0800 091 2810 (ligação
gratuita, de segunda à sexta-feira), e também, nos Plantões Sociais, nos Reassentamentos Urbanos Coletivos Jatobá e Laranjeiras.

Alunos do colégio Ducilla continuam com aulas suspensas

Geovana Amaral está no terceiro ano do ensino médio e é aluna da escola Ducilla Almeida do Nascimento, no bairro Brasília. Após a interdição de um dos prédios pelo corpo de bombeiros militares do Pará, os alunos estão há 18 dias sem aulas. Na última segunda-feira uma atividade externa foi realizada com os estudantes. 

De acordo com o diretor da 10ª ure, Odair Florêncio, um laudo técnico da estrutura foi realizado por um engenheiro estrutural, para ser entregue ao corpo de bombeiros. Ele explica que agora é aguardar o trâmite e finalização do processo.

O diretor confirmou que apenas atividades extra classes foram realizadas, já que o prédio das salas de aula ainda não foi liberado. Segundo ele, a previsão é que antes da próxima quarta-feira (10) a programação volte ao normal no colégio.

A preocupação de alguns alunos é com a reposição das aulas. Para os que vão prestar o enem 2019, perder aulas prejudica.

Homem é preso suspeito espancar o filho que morreu no hospital

Oseias Carvalho da Silva, 43 anos, e a esposa Liciele Moraes da Silva, 26 anos, foram presos no município de Xinguara a pouco mais de 520km do local onde o crime aconteceu. O caso ocorreu no ultimo dia 27 de março, na zona rural de Pacajá. O filho do suspeito, uma criança de 4 anos foi espancado e deu entrada no hospital de Anapu, município vizinho, mas não resistiu e morreu.

Segundo a polícia civil, o pai do menino teria dito aos médicos que a criança teria sido pisoteada por um boi. Segundo o delegado responsável pelo caso, a frieza do pai e da madrasta da vítima levantou a suspeita da equipe médica, que encaminhou o corpo da criança ao IML para ser periciado. Em seguida os dois teriam deixado o hospital e não foram mais encontrados.

O casal atravessou o rio com a criança no colo. Ao ser interrogado por um morador sobre o que teria ocorrido, o pai afirma que a criança teria sido machucada por um boi. Na delegacia o pai confessou que teria espancado o filho, mas não tinha intenção de matar.

A madrasta da criança disse que não teve participação na agressão que resultou na morta do enteado. O delegado teria interrogado os dois sobre o caso, mas eles teriam sido liberados já que não haviam provas e o laudo ainda não havia sido emitido.

Os suspeitos devem ser encaminhados para pacaja, onde o crime foi registrado.

Jovem é preso com droga dentro de erva de tereré

Um jovem foi apresentado na delegacia de polícia civil, nesta segunda (8), em Altamira, por porte de entorpecentes. Com ele foi encontrado uma substância que possivelmente possa ser maconha. O entorpecente foi achado durante uma revista em uma escola.

Antony Luis Cabral Barreto, de 18 anos, estava com a droga dentro da mochila. Após o diretor solicitar a ação para Policia Militar e Guarda Municipal, uma revista foi realizada em todas as salas.

De acordo com o tenente Marques da PM, o entorpecente foi achado dentro de uma embalagem com erva mate. “Quando começamos a revista, ele tentou se desfazer do entorpecente misturando com a erva de tereré, mas foi pego em flagrante”, contou o PM que acompanhou a ação.

Ele foi levado então para a delegacia de polícia civil do município para a realização dos procedimentos cabíveis.